MPRJ também considerou inconstitucional a lei que pretendia vender a Cedae

Mais uma importante vitória do povo do Rio de Janeiro contra os vendilhões do Estado. O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) avaliou ser inconstitucional o processo que autorizou a alienação das ações e dos bens da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (CEDAE), seguindo a mesma linha do parecer da Procuradoria Geral da República.

Ary Girota, diretor do Sindicato dos Cedaeanos de Niterói explica a questão.

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *