Teresópolis reage à privatização

A sociedade de Teresópolis vem se mobilizando e reagindo bravamente ao processo de privatização que vem ameaçando a cidade.
Dia 23 de julho haverá uma audiência pública para tratar do tema e várias entidades e pessoas estão convocando a população para participar do evento com o objetivo de barrar a entrega do saneamento à iniciativa privada.
O maior receio da população é que com a entrega do setor, as contas de água encareçam a ponto de se tornar insuportável para o orçamento familiar.
Atualmente o serviço é prestado pela Cedae, companhia pública que não visa o lucro, mas sim o atendimento à população como política pública de saúde preventiva.
Uma vez privatizado, o serviço perde seu caráter social, tornando-se algo meramente mercantil. Quem tem dinheiro conta com o serviço. Quem não tem, não recebe água.
A APS está acompanhando o processo.
Privatizar o saneamento é um crime contra o povo.
Estamos na luta, solidários com a população de Teresópolis.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *